Ninkasi, a Deusa da Cerveja

Ninkasi é a antiga deusa sumeriana da cerveja, que transformou uma mistura de água e cevada em um líquido dourado, conhecido hoje como cerveja.

Era uma deusa muito popular que fornecia cerveja aos deuses. Ela era considerada a própria personificação da cerveja.

Receba as postagens do Ninkasi Beer Club no seu e-mail!

terça-feira, 25 de agosto de 2020

Escola Superior de Cerveja e Malte terá edição extra dos Cursos Concentrados com 14 capacitações


Os tradicionais cursos concentrados da Escola Superior de Cerveja e Malte (ESCM) mudaram: a edição de julho, primeira depois da chegada do novo coronavírus ao Brasil, aconteceu de forma remota. Mais de 400 alunos participaram das aulas, que contaram com transmissão multicâmera nos laboratórios e tiveram avaliação positiva pelos estudantes.

Para levar esse conteúdo para quem está buscando mais conhecimento neste cenário, a ESCM terá uma temporada inédita dessas capacitações. São 14 cursos com inscrições abertas para aulas online, que iniciam em 28 de setembro e vão até 16 de outubro. A carga horária varia entre 20 e 60 horas.

Quatro cursos são novos: gestão financeira para cervejarias, análise sensorial avançada, controle de qualidade para cervejarias e fermentação de cervejas.

Também serão abertas novas turmas de gestão comercial para cervejarias, como montar a sua cervejaria, malteiro, destilador, produção de bebidas não alcoólicas, cervejeiro caseiro, água cervejeira, microbiologia da cerveja, produção de cervejas não convencionais e equipamento, automação e layout.

De acordo com o diretor da ESCM, Carlo Bressiani, a adaptação ao novo cenário e o entendimento de que os alunos seguem buscando profissionalização motivaram a decisão. “Os desafios para todos os setores são inúmeros. No entanto, a crescente do setor cervejeiro nos últimos anos faz com que profissionais que já atuam na área busquem capacitação e muitos que atuam em outros segmentos queiram dar um primeiro passo no mundo da cerveja”, diz.

A experiência em ensino à distância anterior à pandemia e as melhorias realizadas nos últimos meses são pontos destacados por Bressiani. “Nossos cursos online já rodavam há cerca de dois anos, em metodologia, plataforma e ferramentas adequadas. Com o estabelecimento da nova rotina dos alunos, incrementamos essa área com investimentos em tecnologia audiovisual para conseguir levar conhecimento da forma mais abrangente possível”, diz.

Todas as informações estão no site www.cervejaemalte.com.br/cursosconcentrados.

Sobre a ESCM

Com mais de dez mil alunos formados em seis anos de atuação, a Escola Superior de Cerveja e Malte é a primeira e única instituição de ensino superior especializada na cerveja, da América Latina. É parceira da alemã Doemens Academy, uma das mais respeitadas entidades do mundo.

São cerca de 90 cursos diferentes, em mais de 300 turmas já formadas. Na sede, em Blumenau (SC), além das salas de aula estão disponíveis 12 laboratórios voltados para o ensino de cerveja. Parcerias com cervejarias da região garantem visitas técnicas e relacionamento com o mercado durante os cursos.


Fonte: Melz Assessoria

Cervejaria Dado Bier apresenta edição limitada de embalagem que celebra seus 25 anos


O ano de 2020 marca o aniversário de 25 anos da Cervejaria Dado Bier, única cervejaria artesanal brasileira que conseguiu vencer a barreira de mercado das grandes companhias. E como parte desta celebração, a empresa prepara o lançamento de uma nova embalagem comemorativa para um dos produtos da sua linha de Pilsens, a Dado Bier Lager Leve, uma tradicional alternativa menos alcoólica e com menos amargor. A edição será limitada, tem um design marcante, faz referência aos 25 anos da empresa e trará em seu conteúdo 350ml da bebida.

Segundo Michele Choaire, Gerente de Marketing da Dado Bier, o lançamento da nova embalagem já estava desenhado desde o final de 2019. Contudo, o contexto de exceção que se abateu sobre o mundo neste ano alterou algumas datas. "Esta é o primeiro lançamento que fazemos de alguns que ainda virão, desde a apresentação de novas embalagens, assim como novos produtos. A estratégia é estar sempre nos momentos de consumo mais variados do consumidor, com o produto certo e preços acessíveis", explica.

Segundo Rafael Magalhães, Gerente Comercial da empresa, as novas latas chegarão a todas as regiões do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Até a segunda quinzena de setembro serão entregues mais de 3,4 milhões de latas nestes três estados. "Nosso objetivo é consolidar essa distribuição e garantir que quase 100% dos nossos clientes tenham a nova embalagem à disposição até meados de setembro. Temos certeza que todos vão apreciar. Afinal, é a cerveja que estão acostumados com uma roupagem ainda mais acessível", analisa.

No Paraná, estado em que a Dado Bier avança em seu espaço no mercado, a nova lata estará à disposição nas cidades de Curitiba, Cascavel, Londrina, São José dos Pinhais, Foz do Iguaçu, entre outras. "Temos uma boa parceria com as principais redes de supermercados do estado, o que nos dará uma importante abertura para a consolidação desta nova opção, que é a lata comemorativa", avalia Magalhães.

Fonte: azpress


sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Zé Delivery agora entrega as cervejas da Noi no Rio de Janeiro


O aplicativo “Zé Delivery” tem agora em seu portfólio, na cidade do Rio de Janeiro, a cervejaria artesanal mais premiada do estado. A Noi, cervejaria com fábrica em Itaipu, em Niterói, chega gelada a qualquer hora do dia. São dez rótulos disponíveis para serem pedidos em poucos toques no celular ou pelo computador. O aplicativo do Zé Delivery está disponível gratuitamente para os sistemas IOS e Android e no site www.ze.delivery .

Bárbara Buzin, diretora da Noi, comentou a chegada da Cervejaria Noi ao Zé Delivery. “Os últimos tempos foram de muito trabalho e de buscas de como alcançar o nosso público de maneira mais rápida e fácil. O Zé Delivery chegou para ampliar nossa capilaridade na cidade, com um modelo de entrega que se mostrou tão importante durante o isolamento. Estamos com estilos disponíveis para todos os gostos, da Noi Low Carb, uma pilsen super leve e menos calórica que as outras do mercado, até a Amara, nossa Imperial IPA. Afinal de contas, quem está em casa merece beber bem”, resumiu Bárbara.


Lista de rótulos disponíveis (em ordem alfabética):

Amara - Imperial India Pale Ale

Avena - Belgian Pale Ale

Bionda - Pilsen

Bionda Oro - Pilsen Premium

Bianca - Weiss

Fiorella - India Pale Ale

Noi Low Carb - Pilsen

Nera - Schwarzbier

Rossa - Irish Red Ale

Sicilia - Witbier


Sobre a Cervejaria Noi  

Noi significa “Nós” em italiano e isso resume a essência da marca. Fundada em 2011, na cidade de Niterói-RJ, a Cervejaria Noi é uma empresa familiar de origem italiana que tem orgulho de trabalhar duro em busca da excelência e de ser a cervejaria artesanal mais premiada do Rio de Janeiro. Noi é beber junto, é unir pessoas, é comemorar.

A família Noi é composta por doze rótulos de linha e seis sazonais (Fuoriserie): Amara (Imperial IPA), Avena (Belgian Pale Ale), Bárbara (Wood Aged Barley Wine),  Bionda (Pilsen), Bionda Oro (Pilsen Premium), Bianca (Weiss), Cioccolato (RIS), Cioccolato Barile (Wood Aged Imperial Stout), Diavolo (Belgian Strong Ale), Fiorella (India Pale Ale), Noi Low Carb (Pilsen), Nera (Schwarzbier), Nuova Terra (New England IPA), Passione (Belgian Strong Ale), Rossa (Irish Red Ale), Selvaggio (Wild Ale), Sicilia (Witbier) e Tramonto (American Wheat). E como toda família, sempre pode chegar mais um!

Fonte: Lumo Comunica

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Pães, trufas, licor, cerveja, sabonete: torrefação de Blumenau (SC) leva paixão para o café para além da xícara


A xícara de café faz parte da rotina de muita gente. O conhecimento sobre um produto tão importante está fazendo com que os consumidores ampliem a sua experiência. O Soul Cafés e Companhias, de Blumenau (SC), além de apresentar 13 métodos os preparo e sempre sete grãos diferentes na carta de cafés, há mais de quatro anos leva a matéria-prima para outros produtos.

De acordo com Marcelo Ricci, barista e responsável pela torra do café no Soul, estas iniciativas estão alinhadas com o propósito da casa, que é ampliar a experiência com o produto. “Quando falamos do consumo na xícara, o café já é muito mais rico do que as vivências que a maioria das pessoas têm. Com diferentes métodos, grãos e torras novos horizontes sensoriais se formam. Mas, enquanto trabalhamos na popularização dessas questões, queremos também mostrar a potência do café quando usado de formas ainda mais inesperadas pelo público”, comenta. 

Para executar os produtos, o Soul busca parceiros que sejam referência nas suas áreas de atuação. O Kaffee Likör, por exemplo, é produzido pela Schluck Licores. O primeiro licor de cold brew do Brasil foi lançado em 2019 numa colaboração entre as duas marcas e hoje já são duas variações: com cafés do Sítio Santa Rita e com Connilon especial da Fazenda Venturim. “O processo de desenvolvimento do licor foi muito especial, porque pudemos aprender muito e chegar a um resultado que respeita tanto as características do destilado quanto do café”, diz. Ainda nas bebidas, numa parceria com a Schornstein, de Pomerode (SC), o Soul lançou um rótulo no estilo Porter com adição de café. 

Já o universo dos chocolates também se relaciona de uma forma mais íntima com o café. A Happs Chocolates criou, com os cafés do Soul, uma linha de barras de chocolate, trufas e barras trufadas com café. 

Mais recentemente, numa parceria com a Doux Vanille, a Soul lançou também dois pães especiais com adição de café: um de fermentação natural com chocolate e outro do tipo hambúrguer. Eles podem ser consumido apenas com manteiga com até com preparos que levam frango ou bacon. 

Além da gastronomia

Uma das primeiras parcerias do Soul não tem relação com gastronomia. Junto com a Saboneteria, a cafeteria criou o Soup for the Soul, um sabonete esfoliante a base de café. O produto é vegano, hidratante e esfoliante.  

Todos os itens, assim como métodos de preparo e os cafés em grãos ou moído de acordo com o método que cada um utiliza, estão à venda no site loja.soulcafebnu.com.br. No espaço físico em Blumenau (SC), o Soul está funcionando de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Fonte: Melz Assessoria

Colorado lança versão long neck para Ribeirão Lager


Que tal apreciar uma Ribeirão Lager com praticidade e na dose certa? Pensando em atender o consumidor em todas as ocasiões de consumo, a cervejaria Colorado traz para o mercado a versão long neck, 355ml, da Ribeirão Lager, a queridinha da Cervejaria Colorado. A novidade chega para completar as variações da cerveja, que pode ser encontrada também em garrafa de 600ml, chope e lata.

A Ribeirão Lager é uma Standard American Lager, com 4,5% de teor alcoólico e amargor moderado, caracterizada pela refrescância e leveza. E para manter a brasilidade já conhecida da cervejaria do interior de São Paulo, a receita leva ainda casca de laranja.

"Estamos atentos às necessidades dos consumidores para que eles possam desfrutar das nossas cervejas em todas as ocasiões. A long neck chega para facilitar o consumo dos que amam uma boa cerveja ", explica Guilherme Poyares, gerente de marketing de Colorado.

Com mais de 20 anos de história, Colorado trouxe para o Brasil o sabor encontrado nas artesanais em outros cantos do mundo e adicionou um toque brasileiro, destacando ingredientes diferenciados, enaltecendo a biodiversidade nacional. Agora, a famosa cerveja do Urso promete mais praticidade aos cervejeiros com a long neck Ribeirão Lager.

Informações sobre a cerveja:
Ribeirão Lager
Estilo: Standard American Lager
Teor alcoólico: 4,5%
IBU: 20
Cor: Dourado intenso
Matéria-prima: Laranja


Fonte: impresspni

Grupo HEINEKEN e Hospital Israelita Albert Einstein desenvolvem plataforma de conteúdo com boas práticas que visam a saúde e segurança durante o período de reabertura gradual de bares e restaurantes no país


O Grupo HEINEKEN no Brasil, segunda maior cervejaria do País, e o Hospital Israelita Albert Einstein, referência nacional no setor hospitalar e de saúde, se unem para a iniciativa que visa auxiliar donos de bares e restaurantes de todo o Brasil no enfrentamento da pandemia da COVID-19. Batizado de “De Volta Ao Bar”, o projeto consiste em uma plataforma de conteúdo e aprendizagem eletrônica em que os donos dos bares e restaurantes receberão com recomendações de boas práticas a fim de garantir o bem-estar e segurança de suas equipes e de seus clientes, e evitando uma nova onda de fechamento dos estabelecimentos. A plataforma está disponível para os sistemas Android e IOS, além da versão desktop.

O projeto conta com uma jornada de 15 módulos de conteúdo, que abordam diversos temas na área da saúde e cuidados necessários para a reabertura dos estabelecimentos, em linha com as orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde), como: boas práticas para manter o ambiente seguro, recomendações de limpeza e higiene do local, controle de entrada de clientes, entre outros.

“Seguimos apostando no poder da união para tentarmos minimizar as consequências desta crise. Em respeito aos bares e restaurantes, grandes parceiros do nosso negócio, e a seus clientes, demos mais um passo em nossas atitudes, com uma parceria inédita e inovadora para criar o projeto ‘De Volta Ao Bar’. Acreditamos que esta iniciativa busca unir esforços para que o bar também seja um ambiente seguro para todos”, conta Mauricio Giamellaro, presidente do Grupo HEINEKEN no Brasil.

A plataforma surge para complementar o Brinde do Bem, uma grande frente de atuação do Grupo HEINEKEN no auxílio aos donos de bares e restaurantes. Ao todo, mais de 17 mil estabelecimentos de todas as regiões do País receberão acesso à plataforma do “De Volta ao Bar” e, após a conclusão do treinamento, receberão um certificado oficial das duas empresas, que poderá ser utilizado em seus estabelecimentos.

Saiba mais sobre a ação ‘De Volta ao Bar’ em: www.devoltaaobar.com.br

Para informações sobre outras iniciativas do Grupo HEINEKEN, acesse www.juntxsnessa.com.br.



Sobre o Grupo HEINEKEN no Brasil

O Grupo HEINEKEN chegou ao Brasil em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA e, em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A ("Brasil Kirin"), tornando-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. O Grupo gera mais de 13 mil empregos e tem 15 unidades produtivas no país, sendo 12 cervejarias, localizadas em Alagoinhas (BA), Alexânia (GO), Araraquara (SP), Benevides (PA), Caxias (MA), Igarassu (PE), Igrejinha (RS), Itu (SP), Jacareí (SP), Pacatuba (CE), Ponta Grossa (PR) e Recife (PE), duas micro cervejarias em Campos do Jordão (SP) e Blumenau (SC) e uma unidade de concentrados para refrigerantes em Manaus (AM). No Brasil, o portfólio de cervejas do Grupo HEINEKEN é composto por Heineken, Sol, Amstel, Kaiser, Bavaria, Eisenbahn, Baden Baden, Devassa, Schin, Glacial, No Grau e Kirin Ichiban. O portfólio de não alcoólicos inclui Água Schin, Schin Tônica, Skinka e os refrigerantes Itubaína, Viva Schin e FYs. Com sede em São Paulo, a companhia é uma subsidiária da HEINEKEN NV, a maior cervejaria da Europa. Guiada pela estratégia de sustentabilidade global Brew a Better World da empresa, o Grupo criou no Brasil o movimento Mais com Menos, focado em trabalhar o tema em seis principais pilares: consumo responsável, saúde e segurança, crescer com as comunidades, sustentabilidade na cadeia de fornecimento, redução das emissões de CO2 e proteção de recursos hídricos. Este movimento busca gerar reflexões, dentro e fora dos muros da companhia, sobre como fazer sempre mais, com menos impactos negativos.


Sobre o Einstein

A Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein é uma sociedade civil sem fins lucrativos. Tem 65 anos de história e atua nas áreas de assistência à saúde, educação e ensino, pesquisa e inovação e responsabilidade social. Conta com 15 mil colaboradores, 10.112 mil médicos e está sediada em São Paulo. O Einstein possui o Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (CEBAS) e é qualificada como Organização Social da Saúde para atuar na prestação de serviços no Sistema Único de Saúde (SUS). Seu compromisso com o desenvolvimento amplo do sistema de saúde se traduz na oportunidade de melhoria e na construção de novos modelos de trabalho ajustados aos desafios atuais. O Einstein integra fóruns nacionais e internacionais de discussão e participa ativamente de iniciativas conjuntas com o poder público, órgãos reguladores, hospitais, operadoras de planos de saúde e entidades setoriais para o desenvolvimento do sistema de saúde brasileiro.

Fonte: EDELMAN

quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Oca Cervejaria lança Imperial Stout perfeita para o inverno com um DNA tropical


Em agosto, os apaixonados pela encorpada Imperial Stout poderão apreciar o lançamento da paulistana Oca Cervejaria, a Araí. Perfeita para baixas temperaturas, a cerveja traz uma assinatura tropical com ingredientes como cumaru e amburana.

Em sua receita, é utilizada uma quantidade generosa de aveia e uma seleção de maltes especiais que trazem notas de chocolate meio amargo, café e caramelo. Após a fermentação, foram adicionados muito coco, café maturado em barrica de amburana e cumaru, resultando em camadas de complexidade que finalizam em harmonia entre os condimentos.

Ela está disponível  em bares que estão trabalhando com sistemas de delivery e take away, e em ecommerces que atendem todo o país.


Ficha Técnica

Estilo: Imperial Stout ABV: 10,5 Maturação com Coco, Cumaru e Café Barrel Aged

Garrafa de 500ml

Aparência: Preta, opaca, boa formação e retenção de espuma, colarinho escuro e muito cremoso, lembrando o de um belo capuccino.

Aroma: No nariz notas maltadas e cafeinadas se apresentam em primeiro plano sendo complementadas por um perfume condimentado do cumaru e amburana, remetendo canela, baunilha, noz moscada.

Sabor: Uma cerveja de personalidade marcante e corpo extremamente denso, com um dulçor residual ideal para balancear as camadas de complexidade oferecidas pelos adjuntos e o potencial alcoólico, deixando-a perigosamente macia. Na boca temos uma euforia em forma de sobremesa líquida, como se fosse uma autêntica cocada brûlée aromatizada com cumaru e acompanhada de um café especial, evidenciando a harmonia do conjunto e tornando a experiência inesquecível.


Fonte: ÔNIXPress

Flamingo Beer entra para o time do Zé Delivery


A cervejaria carioca Flamingo Beer & Co. entra para o time do Zé Delivery, maior app de entrega de bebidas geladas do Brasil. Só no Rio de Janeiro, são centenas de pontos de vendas, onde a artesanal já pode ser encontrada em todos os bairros do Rio de Janeiro. A meta do Rafael Adour, CEO da Flamingo Beer, é alcançar os 21 estados onde o Zé Delivery tem operação, até o final de2021.

‘’A Flamingo Beer é uma cerveja especial por diversos motivos. E como fundador da marca, é emocionante demais ver que as sementes plantadas já estão dando frutos importantes, desde credibilidade até em números, mesmo com pouco tempo de vida. Em Junho deste ano, em meio a pandemia, batemos o melhor mês de vendas, e além disso posso arriscar dizer, que nossas ações de marketing foram um sucesso. E ainda em paralelo, entramos para o time do Zé Delivery. Para a Flamingo, significa muito. Vamos ampliar nossa cartela de clientes e vislumbrar novos horizontes comerciais. E o melhor, a nossa cerveja já chega estupidamente gelada'', detalha Rafael Adour, founder da Flamingo Beer & Co.

O aplicativo popular tem o compromisso de alcançar locais que outros serviços não chegam, e apesar de ser nova no mercado, a Flamingo Beer já mostrou que chegou para ficar. Durante a Pandemia, a cervejaria atingiu seu melhor mês de venda de toda sua história. Neste mês, a carioca comemora dois anos de vida e já conquistou duas medalhas em um dos mais importantes concursos cervejeiros internacionais, o World Beer Awards, com seus dois rótulos Lager e Witbier.

E este é só o começo para a marca alçar voos mais altos. Em 2020, triplicou a sua produção e, em breve, passa a distribuir seus produtos em grandes redes de supermercados e lojas virtuais. O aumento significativo na produção dos rótulos se deve a uma parceria com a gigante Ambev que, através do projeto Turma Zero, abriu as portas de sua fábrica em Petrópolis para que a cervejaria artesanal pudesse produzir em maior escala. Além da Flamingo, mais quatro marcas também foram contempladas/ escolhidas.

Desde o início, a ideia era ter rótulos amigáveis, que agradassem os mais variados paladares. Hoje, às twins, como são carinhosamente chamadas, (uma American Premium Lager e uma witbier) já ganharam a confiança dos cariocas e de gigantes do mercado cervejeiro.

O Zé Delivery oferece um portfólio amplo de bebidas que vai desde variados tipos de cerveja, água, sucos, destilados e petiscos, que desde o início estimula a entrada de pequenos estabelecimentos que necessitem recuperar sua saúde financeira e manter empregos.

Encontre a Flamingo Beer: @flamingobeer

Fonte: Hochmuller

ZEV lança Dry Stout com casca de tangerina

A cervejaria ZEV, de Suzano – SP, lança essa semana no mercado cervejeiro uma variação limitada e exclusiva da sua tradicional Dry Stout. A novidade chega agora com casca de tangerina, que trouxe mais refrescância e frutado para o conjunto.

ZEV Dry Stout (com casca de tangerina)

A nossa clássica Dry Stout com um toque refrescante da casca de tangerina. Uma cerveja leve, de cor preta intensa, com espuma densa e cremosa. De corpo médio-baixo, baixo amargor, final seco e refrescante, pedindo um novo gole.


Teor alcoólico: 4,1%

IBU: 30

Formato: Lata (473ml) e chope


SOBRE A ZEV

A ideia da cervejaria começou em 2010, com os irmãos Mikhail e Dimitri Ganizev, porém o início das obras em Suzano/SP aconteceu apenas em 2013 e foi concluída em 2017. A liberação do MAPA aconteceu em 2018. 


Atualmente a capacidade é de 55 mil litros por mês e já são oito rótulos produzidos durante todo ano, sem contar as receitas sazonais.



MAIS INFORMAÇÕES

ZEV

Instagram: cervejariazev

Facebook: facebook.com/cervejariazev

Site Oficial: cervejariazev.com.br]


Fonte: Beer Press

terça-feira, 11 de agosto de 2020

ESCM chega ao quinto país: Portugal terá sete cursos a partir de setembro

ESCM chega ao quinto país: Portugal terá sete cursos a partir de setembro


A Escola Superior de Cerveja e Malte (ESCM) chegou a Portugal. A única instituição de ensino superior da América Latina dedicada à cerveja, já está com inscrições abertas para os sete cursos que vão ser realizados em parceria com a Cerveja Nortada. Todas as informações estão disponíveis no link www.cervejaemalte.com.br/portugal. 

Este é o quinto país que conta com atuação local da ESCM e o primeiro na Europa. A instituição já está em operação no Uruguai, Argentina e Paraguai, além da sede, no Brasil. 

O diretor, Carlo Bressiani, diz que a consolidação da cultura cervejeira e o interesse do mercado por conhecimento técnico motivaram a expansão. “A profissionalização é uma busca cada vez mais constante de cervejarias em todo o mundo. Em seis anos de instituição, recebemos alunos de mais de 20 países procurando capacitação. Foi isso que incentivou a nossa movimentação para chegar mais perto desses profissionais”, comenta. 

Para ele, a aliança com a Cerveja Nortada é fundamental para o relacionamento da marca e da Escola com o mercado, a logística mais assertiva e a oportunidade de uma experiência prática para os alunos que desejarem. “Estamos muito felizes porque entendemos que a qualidade do ensino, que é a nossa prioridade, será mantida”, diz. 

Para Pedro Mota, CEO da Cerveja Nortada a parceria com a ESCM é “uma excelente oportunidade para desenvolver e dinamizar o movimento da cerveja artesanal em Portugal. No nosso país o consumo de cerveja ainda está muito concentrado nas marcas industriais e é essencial que cada vez se fale mais da bebida, tanto consumidores como produtores. Acreditamos que este é um passo importante para atrair mais pessoas para o mundo da produção de cerveja mas também para tornar os nossos cervejeiros cada vez mais qualificados. Estamos muito contentes com esta parceria e estamos seguros que será um importante passo para o aumento da cultura cervejeira em Portugal".

Os cursos e a metodologia

Todos os cursos terão aulas online, através do método desenvolvido pela ESCM. O conteúdo é passado de forma síncrona, isto é: as apresentações dos professores são realizadas ao vivo e é possível interagir e tirar dúvidas com os mestres. 

Já estão abertas as inscrições para os cursos: Tecnologia Cervejeira, Lúpulo, Água Cervejeira, Controle de qualidade na Produção de Cervejas, Elaboração de Receitas, Harmonização com Cervejas e Cervejeiro Caseiro. 

Sobre a ESCM

Com mais de dez mil alunos formados em seis anos de atuação, a Escola Superior de Cerveja e Malte é a primeira e única instituição de ensino superior especializada na cerveja, da América Latina. É parceira da alemã Doemens Academy, uma das mais respeitadas entidades do mundo.

São cerca de 90 cursos diferentes, em mais de 300 turmas já formadas. Na sede, em Blumenau (SC), além das salas de aula estão disponíveis 12 laboratórios voltados para o ensino de cerveja. Parcerias com cervejarias da região garantem visitas técnicas e relacionamento com o mercado durante os cursos.

Fonte: Melz Assessoria

Na Brasa agora virou boutique de churrasco

Na Brasa agora virou boutique de churrasco


O Bairro Caiçara ganhou uma boutique de carnes sofisticada, com opções de cortes nobres, um verdadeiro templo para os amantes do churrasco. Os cortes são exclusivos, de raças festejadas como Angus e Hereford pelos amantes do segmento, porcionadas, in natura ou temperadas. A ideia de montar a casa surgiu a partir do festival Na Brasa, realizado em duas edições em BH. O último, em setembro de 2019, reuniu mais de 10 mil pessoas na praça Mendes Junior próximo ao palácio da Liberdade em BH. “O churrasco sempre foi uma paixão do brasileiro, mas nos últimos tempos o conceito está evoluindo, com mais cortes, raças bovinas e suínas sendo valorizadas. Até o carvão hoje faz a diferença. Nossa proposta é oferecer tudo para que nosso cliente possa fazer o melhor churrasco. Só de temperos e molhos são 90 rótulos”, relata Eber Júnior, sócio, junto com Jean Munaier, do Na Brasa.

Esse formato de açougue virou tendência em BH. A proposta do Na Brasa é reunir em um 100 metros quadrados todos os ingredientes e insumos para o consumidor poder fazer um churrasco perfeito. Desde o carvão ao tempero, desde o salsichão à picanha. Desde o simples sal grosso até marinadas especiais. Tem farofa simples até molhos especiais. A casa vai também produzir kit especiais com combos e ainda o cliente pode comprar carnes temperadas em pacotes prontos ou na porção que ele precisa.

A casa conta com uma seleção de picanhas com mais de 12 variedades, para todos os gostos, nacionais e importadas do Uruguai, Paraguai, Argentina, dos Estados Unidos e as Australianas. Destaque para Minerva, Carapreta e Estância 92 entre outras. Cortes clássicos como contrafilé – ancho e bife de chorizo, fraldinha, fraldão uruguaio, filet mignon e outros que hoje são tendência: short rib, prime rib, tomahawk, t-bone e chuck eye roll, entre outros. Todos os cortes suínos e de frango, incluindo o tradicional coraçãozinho, estão disponíveis também. Destaque para os torresmos de barriga carnudos, especiais para a brasa.

O Na Brasa fechou uma parceria com uma das marcas referência em churrasco no Brasil: o Porcão. Há uma linha completa de temperos prontos, marinadas, dry hub’s, farofas exclusivas, pães de alho e espetinhos de medalhão de batata bolinha recheado com cheddar. A casa também preparou uma linha de lingüiças artesanais marca própria, e outras com temperos exclusivos. É possível ainda encontrar salsichões, linha completa de pães de alho com diversos sabores, incluindo os doces como o pão de chocolate.

O Na Brasa ainda oferece a linha completa de cortes de cordeiro, incluindo picanha, paleta, carré, t-bone que estão sempre nas vitrines da casa. Outra aposta são nas farofas prontas, os mais de 30 molhos, incluindo chumichurri, de pequi e de alho, além de temperos, antepastos, chutney, azeites saborizados, geléias, tabua de sal do Himalaia, carvão e demais acessórios.

Um dos charmes da casa é o espaço dedicado a Krug Bier. Um tepping com 6 torneiras sempre tem chope fresquinho e gelado e o cliente pode abastecer seu growler no Na Brasa. A casa ainda vende toda linha de cervejas Áustria by Krug Bier e a linha Expressionista, sucesso da cervejaria. A Krug foi parceira nas edições do Festival Na Brasa e essa proximidade migrou para esse estabelecimento.

Na Brasa Boutique de Carnes

https://www.instagram.com/nabrasaboutiquedecarnes/

Rua Alabandina 90 Caiçara

Telefone: 3566-5126 e 99836-8998 - Whatsapp

Terça a quinta: 9h as 19h

Sexta sábado: 9h as 20h

Domingo: 9h as 15h

Aceita todos os cartões

Peça pelo delivery

Fonte: Primeiro Plano Comunicação

Linha de garrafas ECOVA, da Verallia, alia redução de impactos ambientais e qualidade

Linha de garrafas ECOVA, da Verallia, alia redução de impactos ambientais e qualidade


Pesquisa divulgada no fim de 2019 pelo Instituto Kantar mostrou que a preservação do meio ambiente é uma forte preocupação de um terço dos consumidores de todo mundo. E 16% deles, mais do que levar em conta fatores ambientais no momento da compra, já adotam atitudes para reduzir o impacto de seus hábitos de consumo.

A forma como as pessoas consomem impacta também no volume de resíduos que geram todos os dias. É um desafio sem precedentes para o mundo, sendo que as embalagens representam grande parte deste desafio. Como um dos principais fabricantes de embalagens de vidro para alimentos e bebidas do mundo, a Verallia tem um papel importante a desempenhar na aceleração da transição para uma embalagem sustentável.

Escolher o vidro para ser a embalagem preferencial dos produtos não é apenas uma escolha econômica, é, principalmente, um caminho inteligente e consciente. “Temos trabalhado nossos desenvolvimentos sempre focados em sustentabilidade. A maioria de nossos produtos é desenvolvida pensando no conceito ECOVA, com produtos até 30% mais leves do que os tradicionais. Além disso, são produtos eco-projetados, ou seja, atendem aos requisitos técnicos, otimizando o uso de matérias-primas”, comenta Letícia Zydowicz, gerente de EHS da Verallia.

Com nome inspirado na união das siglas ECO (Ecologia) e VA (Valor agregado), a linha ECOVA tem processo de produção que reduz os impactos ambientais em todas as etapas da fabricação, da concepção à entrega do produto ao consumidor, sem perder a qualidade e as vantagens do vidro.

“A Verallia emprega as mais sofisticadas tecnologias e ferramentas de design para desenvolver seus projetos. As possibilidades criativas são quase infinitas e a redução do impacto ambiental é essencial na nossa abordagem. Otimizamos o processo, adaptando o produto final aos padrões de produção industrial, assim como a cadeia logística das nossas embalagens de vidro”, afirma Catarina Peres, supervisora de marketing da Verallia.

A logística, aliás, é outro fator importante. Com uma embalagem mais leve, a linha ECOVA permite ser transportada em maior quantidade por caminhão. São cerca de mil garrafas a mais, otimizando os custos de transporte e reduzindo a emissão de gás carbônico, já que menos veículos serão necessários para o transporte.

Confira os principais atributos da linha ECOVA, da Verallia:

- Equilíbrio entre o design e o desenvolvimento sustentável;

- 15% menos emissão de CO2 durante a produção;

- 6% menos emissão de CO2 no transporte de embalagens;

- Valor e qualidade que somente o vidro pode proporcionar.

Sobre a Verallia

A Verallia é a líder europeia e a terceira maior produtora global de embalagens de vidro para alimentos e bebidas, com soluções inovadoras, personalizadas e ecológicas. O Grupo registrou receita de 2,6 bilhões de euros e produziu 16 bilhões de garrafas e potes em 2019. A Verallia emprega cerca de 10 mil pessoas e tem 32 fábricas de produção de vidro em 11 países. A Verallia está listada no compartimento A do mercado regulamentado da Euronext Paris (Ticker: VRLA - ISIN: FR0013447729) e está incluída nos seguintes índices: SBF 120, CAC Mid 60, CAC Mid & Small e CAC All-Tradable. No Brasil, a Verallia tem três fábricas localizadas nas cidades de Campo Bom (RS), Porto Ferreira (SP) e Jacutinga (MG) e ainda disponibiliza aos seus clientes um Centro de Criações para o desenvolvimento de novos produtos. Para mais informações acesse www.verallia.com.br.

A Verallia e a sustentabilidade

Mundialmente a Verallia é comprometida com o desenvolvimento sustentável em suas três dimensões: ambiental, econômica e social. Referência em embalagens de vidro para alimentos e bebidas, disponibiliza à cadeia de consumo um material que é 100% e infinitamente reciclável e inerte, garantindo a saúde e a segurança alimentar dos consumidores. Em todos os seus processos de produção, a Verallia busca a otimização do consumo de água e energia, o controle das emissões atmosféricas, o estímulo ao desenvolvimento social e a criação de novas opções em embalagens de vidro que necessitem de menos matéria-prima e que, ao mesmo tempo, estimulem e facilitem a cadeia da reciclagem.

Fonte: press à porter

Cerveja Blumenau mira em inovação com implantação de nanocervejaria, envase de latas e adega para barris

Cerveja Blumenau mira em inovação com implantação de nanocervejaria, envase de latas e adega para barris


A movimentação na fábrica da Cerveja Blumenau foi intensa nos últimos dias. A marca, que leva o nome da Capital Brasileira da Cerveja, recebeu equipamentos para a implantação de uma nanocervejaria dentro da estrutura fabril. O projeto, anterior à pandemia, complementa o envase de latas e a adega para barris em um movimento de incentivo à inovação. Lotes inéditos, experimentações e edições limitadas serão geradas nestes três espaços. 

O diretor executivo da Cerveja Blumenau, Valmir Zanetti, comenta que as diretrizes estratégicas dos projetos estavam no planejamento e foram mantidas, mesmo com os desafios causados pela pandemia do novo coronavírus. “Nós entendemos que a inovação é uma das chaves não só para passarmos por esse momento, mas para que o mercado de cervejarias independentes cresça. Com a liderança do nosso cervejeiro, Marcos Guerra, demos início em 2019 a ampliações no laboratório e áreas de suporte à adega de barris, à nanocervejaria e ao envase de latas. Agora, mais uma importante fase está sendo concluída. A próxima é levar as cervejas ao mercado”, diz. 

Guerra destaca que os investimentos marcam uma nova fase. “Trabalhamos muito no último ano para assegurar ainda mais a qualidade constante dos produtos. A linha consagrada nos trouxe uma base firme para podermos criar, em conjunto com o time, cervejas e projetos inovadores para surpreender quem já é consumidor de cerveja artesanal e trazer para esse movimento aqueles que não conhecem muito desse movimento”, diz. 

Mais sobre os projetos

Com a linha completa da Zegla, a nanocervejaria terá produções de lotes de 500  a mil litros que poderão ser envasadas em garrafas ou latas. Além de produtos especiais da própria Cerveja Blumenau, a estrutura também estará à disposição do mercado, para marcas ciganas e lotes especiais de rótulos em menor volume. 

O envase de latas, já implantado, possibilitará projetos especiais em nova embalagem não só de produtos limitados da nanocervejaria, mas também de itens de linha. Novidades neste sentido estão sendo preparadas pela equipe. “Nós acreditamos muito nas latas não só pela praticidade, mas também pelo apelo sustentável que ela tem”, explica Guerra. 

Já a adega de barris é uma estrutura dedicada a esses rótulos especiais, climatizada e separada do restante da fábrica, que já têm maturações em andamento. Blends e experiências sensoriais para quem é apreciador de cervejas sairão desse projeto. “Montamos uma adega de ponta e o primeiro lançamento desse projeto acontece em breve”, finaliza o cervejeiro. 

Sobre a Cerveja Blumenau

Lançada em 2015, a Cerveja Blumenau leva o nome e a tradição da Capital Brasileira da Cerveja. Da cidade também vêm a inspiração para os nomes dos rótulos, reconhecidos em todo o país. Em cinco anos, a marca soma mais de 20 premiações nacionais e internacionais para os seus rótulos, além de reconhecimentos institucionais como o Top de Marketing da ADVB/SC e o prêmio de Cervejaria do Ano na América do Sul pelo International Beer Challenge em 2016.  

Atualmente conta com 20 produtos em linha, além de produtos sazonais e especiais. Entre os mais conhecidos estão a Capivara Little IPA, a Frida Blonde Ale e a Macuca Imperial Stout. Mais informações estão nas redes sociais da marca: @cervejablumenau.

Fonte: Melz Assessoria

Oca Cervejaria lança dois rótulos seguindo a linha de sua estreia no universo cervejeiro

Oca Cervejaria lança dois rótulos seguindo a linha de sua estreia no universo cervejeiro


Sempre alinhada com o conceito "do hype ao raiz", a Oca Cervejaria chegou no mercado com muita brasilidade e o grande sucesso Tainá, tamanho foi o barulho e saudades que a cerveja deixou, a marca oferece agora, mais duas cervejas que seguem a mesma linha: Janaína e Tainara.

Janaína e Tainara possuem cor amarelada e aparência turva devido à grande quantidade de trigo e aveia em sua receita, resultando em uma deliciosa e suculenta textura aveludada. Em Janaína foi utilizada a combinação dos lúpulos Citra, Waimea (NZ) e Wai-iti (NZ), que confere agradáveis notas perfumadas de pinho, frutas como manga, toranja e pêssego. Já Tainara os lúpulos Citra, Lemon Drop e Sultana se destacam com aromas de laranja lima, limão siciliano, toranja e pitanga.

A Oca traz em sua linguagem visual influências das matrizes indígenas, além das florestas e ecossistemas nacionais. A brasilidade também está impressa nas receitas dos rótulos da marca: seja pela inclusão de insumos tipicamente nacionais, como a tapioca e o cumaru - semente conhecida como a baunilha da Amazônia -, ou pelos aromas e sabores tropicais bastante presentes em suas cervejas.

Quem não quer perder de jeito nenhum esses lançamentos em chopes no Soul Botequim está operando no sistema Take Away e chega até sua casa através das plataformas Rappi, iFood e pela plataforma do bar (http://www.deliverydireto.com.br/soulbotequim/soulbotequim). Para os que amam as latas Oca, a marca está presente em diversos bares que estão trabalhando com sistemas de delivery e take away, e em ecommerces que atendem todo o país.

Fonte: Ônix Press

Cervejaria Dádiva adere ao projeto Black is Beautiful e produz receita colaborativa com o EAP idealizada nos EUA em prol da igualdade racial

Cervejaria Dádiva adere ao projeto Black is Beautiful e produz receita colaborativa com o EAP idealizada nos EUA em prol da igualdade racial


Nos últimos dois meses, centenas de cervejarias do mundo aderiram ao projeto Black is Beautiful e produziram uma Stout com o nome do projeto, comprometendo-se com a doação de 100% do valor arrecadado em sua venda a projetos focados em promover a equidade racial.

Uma dessas produtoras é a paulista Dádiva, instalada em Várzea Paulista, na região de Jundiaí, que fez uma cerveja colaborativa com o Empório Alto dos Pinheiros, e, juntos, escolheram como beneficiário o CEERT - Centro de Estudo das Relações de Trabalho e Desigualdades. A cerveja chegará ao mercado no dia 10 de agosto e poderá ser comprada no Empório Alto dos Pinheiros EAP.

Além do apoio financeiro a instituições, a ação pretende reforçar a discussão pública sobre a necessidade de reconhecimento da persistência do racismo no mundo todo e de reflexão sobre as formas de combatê-lo.

O projeto Black is Beautiful foi criado por Marcus J. Baskerville, dono da cervejaria texana Weathered Souls, em apoio ao movimento Black Lives Matters, que ganhou novo ímpeto (e as ruas) após o assassinato brutal do norte-americano George Floyd por um policial da cidade de Mineápolis, no estado de Minnesota.

As cervejarias que aderiram à campanha devem seguir as diretrizes elaboradas pelo idealizador e disponibilizadas na página da campanha, blackisbeautiful.beer. Essas diretrizes incluem o compromisso com um trabalho de longo prazo visando à inclusão, bem como orientações sobre a elaboração da receita da cerveja e a utilização de um rótulo comum.

Em sua versão, a cervejaria Dádiva e EAP incluíram amendoim e cacau. Ela é uma Imperial Stout com corpo extremamente aveludado, 10% ABV muito bem inseridos, notas predominantes de amendoim, paçoca e calda de chocolate, e um final levemente amargo, remetendo a café.

"Temos tentado entender o que podemos fazer para nos transformar em uma empresa cada vez mais inclusiva, de forma a contribuir para tornar o mercado cervejeiro como um todo mais justo e mais plural. Conhecemos o trabalho do CEERT recentemente e nos impressionamos muito com a seriedade dos projetos desenvolvidos pela organização, que tem como foco promover a equidade de raça e gênero, na área do trabalho, educação, juventude e justiça. Por isso, o escolhemos como beneficiário do lucro arrecadado com a Black is Beautiful, tanto da Dádiva, quanto do EAP", pontua Luiza Lugli Tolosa, sócia-fundadora da cervejaria Dádiva.

O Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades - CEERT é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, que desde 1990, por meio de sua equipe multidisciplinar elabora e implementa programas de promoção para a promoção da equidade racial e de gênero, através de análises e estudos orientados para a intervenção em instituições públicas e privadas.

Fonte: Ônix Press

Maniacs Brewing Co. inicia com operação em ecommerce com entrega em todo o Brasil


À frente de qualquer acontecimento de 2020, a Maniacs Brewing Co. já direcionava seu olhar para o futuro: ter o seu próprio ecommerce era uma meta da marca, especializada em cervejas artesanais e responsável pela produção da Brooklyn Brewery no Brasil. Desde terça-feira, 28 de julho, a ideia foi colocada em execução, com um site que comercializará cervejas, acessórios e materiais de merchandising das marcas, além dos produtos da Morada Cia Etílica, parceiro de longa data. O site pode ser acessado aqui www.maniacs.com.br

“Já estava no nosso planejamento atender uma demanda crescente de clientes que estão cada vez mais buscando alternativas para comprar online”, diz Iron Mendes, CEO da Maniacs Brewing. “A pandemia aumentou essa necessidade e foi um acelerador de futuro. Em 45 dias desenvolvemos mais esse canal de vendas e relacionamento com os consumidores. É mais um ponto de venda, que complementa o trabalho que já fazemos com outros parceiros que comercializam a Maniacs, Brooklyn e Morada”.

Expectativa de 10% de crescimento

O site funciona com sistema de compra intuitivo, detalhes sobre as cervejas, informações das marcas e cultura cervejeira - a Maniacs participou do projeto para publicar o Guia Oxford da Cerveja no Brasil, maior obra sobre o tema no mundo.

As previsões da marca eram ousadas para 2020, com planejamento de ampliar em 84% o crescimento do ano passado, baseado muito no aumento do número de PDV’s atendidos de mil para dois mil. Agora, dentro de um novo cenário, a expectativa é que, em médio prazo, o ecommerce responda por 10% do crescimento da cervejaria, impulsionado pelas mudanças de comportamento de consumo.

“Esse novo canal de vendas, além de aproximar os clientes da marca, visa atingir regiões ainda não totalmente exploradas pela cervejaria. Agora nossos clientes realmente podem ter cerveja boa todo dia, em todo o Brasil” complementa Iron.

“Inovar sempre”

O ecommerce será uma plataforma para lançamento de produtos inovadores. Cervejas em edições limitadas, kits temáticos e produtos não pasteurizados se juntarão ao portfólio tradicional das marcas nos próximos meses. “Há estilos e formas de oferecer novas experiencias cervejeiras aos clientes que não se encaixam exatamente nos canais de distribuição já estabelecidos. O ecommerce vem ao encontro dessa necessidade por inovar sempre. Nossos cervejeiros e equipe de marketing estão trabalhando em várias frentes de desenvolvimento”, reforça CEO.

Setor em ascensão gera oportunidades

Apesar do atual cenário, a cerveja artesanal no Brasil apresenta plena ascensão. Em 2017 eram 670 cervejarias, 880 em 2018 e 1200 em 2019. O mercado praticamente dobrou em dois a três anos. “Os consumidores já entendem sobre a categoria de cervejas artesanais e é gratificante ver consumidores discutindo sobre estilos como IPA por exemplo”, destaca Iron.

Sobre a Cervejaria Maniacs

A Maniacs Brewing Co. iniciou suas atividades em 2016, mas sua equipe executiva conta com uma grande experiência no mercado de cervejas artesanais. Atuantes desde 2005, participaram do nascimento e consolidação de diversas marcas de cervejas internacionais e nacionais no Brasil. A Maniacs faz cervejas com personalidade, porém fáceis de beber, adequadas ao nosso clima e cultura gastronômica. Feita por Loucos por Cerveja para Loucos por Cerveja!

Fonte: v3com

Cervejarias adotam novos hábitos para garantir uma reabertura segura e respeitar as novas normas de higienização

Cervejarias adotam novos hábitos para garantir uma reabertura segura e respeitar as novas normas de higienização


A pandemia fez com que antigos hábitos de consumidores de bebidas mudassem radicalmente, fazendo com que os cuidados com a higiene fossem redobrados, além dos bares estabelecerem uma medida de distanciamento entre os clientes para evitar o contágio do vírus. De acordo com uma pesquisa quantitativa feita pelo Qualibest + Galunion, para 73% dos brasileiros as práticas de higiene e limpeza evidentes é o que fazem eles confiarem nos estabelecimentos. O delivery de chope e cerveja também disparou, sendo que, de acordo com o Sebrae, só em 2019, 96% dos brasileiros já consumiam as bebidas em casa.

Essas mudanças obrigaram diversas marcas a criarem um plano estratégico de retomada, já que várias regiões do país estão flexibilizando as medidas adotadas no combate ao coronavírus e permitindo a abertura gradual dos estabelecimentos. "Tivemos de pensar em como iríamos mostrar aos nossos clientes que estamos seguindo todas orientações para uma retomada segura e que dê prioridade à saúde de todos”, afirma Scott Ashby, fundador da cervejaria Ashby.

Aposta no e-commerce

Logo que o isolamento social foi decretado no país, a Ashby, que existe desde 1993, percebeu que algo que até então eles não tinham, se tornou inevitável nesse momento: uma loja online. A ideia de criar sua própria plataforma de e-commerce foi para facilitar o método de compras dos clientes que estão optando por essa modalidade, tornar o nome da marca ainda mais popular e atender às regiões onde não havia distribuidores. “Além das nossas cervejas, é possível encontrar kits e growlers”, diz Scott.

Selo de garantia

Para incentivar os seus distribuidores e PDV´s parceiros, a marca irá disponibilizar cartazes, cartilha com orientações e toda comunicação para garantir uma retomada segura e respeitando todas as medidas de higiene. Quem seguir o protocolo, irá receber uma chancela para “atestar” que estão aptos em retomar as atividades de forma consciente. Todos os PDVs irão realizar a assepsia dos equipamentos.

Redes sociais e delivery sem custo

É incontestável a importância das redes sociais na conquista de clientes e realizar vendas pela internet. Para incentivar os seus parceiros, a Ashby está apostando em interação pelas redes sociais através de posts elaborados para conseguir engajamento, promoções com o objetivo de fidelizar os clientes e até enquetes para descobrir qual é o perfil dos consumidores. “As marcas precisam se aproximar de seus clientes e as redes sociais permitiram esse contato, então investir nesses canais se tornou algo extremamente importante”, explica Scott.

Outra saída que a Ashby encontrou para incentivar as vendas de seus distribuidores foi apresentar canais online gratuitos de vendas via delivery, como é o caso do Goomer, além de uma parceria de dois anos com o portal CheckIn Eventos, um portal de serviços, produtos e espaços para todo tipo de evento, onde as distribuidoras da marca poderão divulgar os seus serviços. “Nosso objetivo é garantir uma retomada segura, seguindo todos os protocolos exigidos pelos órgãos de saúde, para que as pessoas se sintam seguras em pedir uma cerveja por delivery ou mesmo frequentarem os bares e restaurantes”, finaliza Scott.

Sobre a Ashby

Foi no ano de 1993 que Scott Ashby, americano que chegou ao Brasil em 1992, decidiu montar, na cidade Amparo, SP, a primeira Micro Cervejaria do Brasil, a fim de trazer ao país o conceito de cervejas especiais dos EUA. Scott, Doutor em Física, apaixonado por cervejas, ingressou no curso de Mestre Cervejeiro na Universidade da Califórnia no ano de 1990 e, logo em seguida, começou a trabalhar na cervejaria americana Wasatch, onde permaneceu por dois anos. Antes disso, Scott já era homebrewer e produzia cervejas para seus amigos, que rapidamente consumiam toda a produção caseira.

E a diferenciação da empresa já começou quando pensou em montar uma fábrica na cidade de Amparo, SP, circuito das Águas Paulistas. Como essas bebidas são compostas por 90% de água, a qualidade desta na fabricação é extremamente relevante. Por isso, a Ashby, escolheu estrategicamente o melhor lugar para suas instalações. As águas de Amparo, além de conservar a pureza que brota da terra, têm um equilíbrio excelente entre sais e minerais tornando-a perfeita para a fabricação de chopes e cervejas de qualidade ímpar.

Foi graças à Ashby que o cenário do mercado nacional começou a experimentar um novo conceito de cervejas diferenciadas, o que antes era privilégio para poucos.

Fonte: Cervejaria Ashby 

Classic Styles: linha de cervejas da Dádiva aposta em receitas tradicionais

Classic Styles: linha de cervejas da Dádiva aposta em receitas tradicionais


Misturas de ingredientes em combinações inusitadas, ousadia nas receitas e técnicas complexas. Quem acompanha o estimulante universo da cerveja sabe que o céu é o limite e quanto os amantes da bebida estão sempre em uma busca incessante por inovações.

O clássico, porém, sempre será clássico e nunca abandonou a geladeira e os copos do cervejeiro que, entre uma novidade e outra, garimpa, também, receitas tradicionais bem executadas. Infelizmente, essa busca nem sempre é bem sucedida.

É comum, por exemplo, o mercado anunciar o lançamento de uma variação de Berliner Weisse com frutas. Mas, com que frequência encontramos nas prateleiras de bares e empórios especializados uma receita clássica do estilo, sem adjuntos e no boil, ou seja, sem fervura (como se costumava fazer antigamente)?

Se você também sente falta de cervejas clássicas ocupando as prateleiras dos empórios especializados em cerveja, já pode contar com opções da cervejaria Dádiva, que lançou recentemente a linha Classic Styles, que já conta com dois rótulos: as clássicas Irish Red Ale e a Berliner Weisse.

"Brincar com receitas e testar processos de produção é algo que todo cervejeiro quer (e deve) fazer. Mas produzir uma cerveja clássica de qualidade, destacando o melhor de cada estilo, também é desafiador. Temos, hoje, uma variedade grande de cervejas inusitadas no mercado. Nós, mesmos, produzimos diversas delas e é muito bacana. Mas, não podemos esquecer da qualidade das tradicionais e de como é bom encontrar uma cerveja tradicional, gostosa, leve e direta", afirma Victor Marinho, sócio e mestre cervejeiro da Dádiva.

A Irish Red Ale da linha Classic Styles da cervejaria Dádiva tem 4,2% de teor alcoólico e coloração cobre/avermelhada. É uma cerveja equilibrada, com final seco e que traz, em primeiro plano, aromas e sabores da base de maltes que remetem a caramelo e sutil tosta. Lúpulos ingleses conferem a ela um leve toque terroso. Aconselha-se servi-la entre 5 e 7°C. Ela acompanha carnes vermelhas assadas e cogumelos salteados.

A Berliner Weisse, como seria esperado, vem em receita sem fervura ou adjuntos. Uma cerveja rústica, de baixo teor alcóolico (3,4% ABV), coloração amarelo palha e levemente turva. Ela traz leve acidez e, ao final, percebe-se um toque cítrico e suavemente lático. Aconselha-se servi-la entre 4 a 8°C. Harmoniza com: saladas com molhos cítricos e sorbet de limão.

A próxima cerveja da linha Classic Styles é a English Pale Ale.

Todas os rótulos vêm em latas de 330ml. O preço sugerido de todas estas cervejas desta linha é R﹩ 14,00.

Fonte: Ônix Press

DeBron Bier lança nova cerveja com framboesa

DeBron Bier lança nova cerveja com framboesa


A cervejaria DeBron Bier, dos sócios Eduardo Farias, Thomé Calmon e Raimundo Dantas, lançam uma nova cerveja da marca. O novo rótulo, do estilo Fruit Beer, vem com adição de framboesas in natura. A cerveja será uma edição especial e comemorativa da DeBron, que em 2020 completa 5 anos de existência. A fruta foi escolhida por votação do público.

O rótulo, que será uma edição limitada, chega em garrafas de 750ml exclusivas e numeradas ainda neste mês de julho. A bebida, que tem framboesas em sua composição, apresenta uma tonalidade rosa e as frutas conferem aroma e sabor que equilibram dulçor e acidez ao paladar. A Fruit Beer tem teor alcoólico médio, amargor leve e corpo mais alto, sendo uma ótima opção tanto para beber direto, como compor drinks.

Informações técnicas:

Fruit Beer Framboesa

ABV - 5.45%

IBUs - 14.7

Fonte: Carol Dias

Cervejaria Cozalinda escolhe garrafa da Verallia para envasar novas safras

Cervejaria Cozalinda escolhe garrafa da Verallia para envasar novas safras


A Cervejaria Cozalinda escolheu as garrafas Espumante 375 ml e Espumante 750 ml da Verallia para envasar a safra 2020 de suas cervejas, entre elas a Já Passou o Paulo Lopix? - Wild Espontânea, a Macacada - Wild Ale com Amora, a Amburana Neném - Fermentação Mista com semente de Amburana entre outras. Até o fim do ano, o rótulo mais antigo da cervejaria, a premiada cerveja Praia do Meio, também será envasada na Espumante da Verallia.

A Cozalinda conheceu o portfólio da Verallia por meio de colegas da indústria do vinho e da cerveja. “Selecionamos as garrafas da Verallia para envasar nossas cervejas exatamente pela qualidade das embalagens. Como trabalhamos com produtos que podem ter pressões comparáveis aos espumantes, precisamos de garrafas que aguentem a pressão e o tempo, já que todas nossas cervejas são de guarda. Sem falar que vendemos para locais muito distantes e enfrentam todo tipo de transporte, ou seja, precisa ser resistente. E a Verallia tem tradição e a confiança do ramo, foi o que levou a gente a comprar”, destaca Diego Simão Rzatki, sócio cofundador, cervejeiro e blender da Cozalinda.

Fermentações mistas, wild ales e espontâneas 

A Cozalinda trabalha basicamente com três famílias principais de cervejas: as fermentações mistas, as wild ales e as espontâneas. Todas são refermentadas em barris de carvalho francês, algumas com passagens em barril de madeira brasileiras, e sempre com micro-organismos selvagens brasileiros. Toda produção é sem controle de temperatura para que a temperatura da Grande Florianópolis seja a grande responsável pelas características sensoriais das bebidas. “Tudo isso é para expressar o terroir local, que é a nossa missão: produzir cervejas que traduzam nossa origem, o local onde vivemos. Queremos levar um pouquinho de Floripa para todo canto do Brasil e do mundo”, acrescenta o sócio cofundador, cervejeiro e blender.

A paixão por Florianópolis em forma de cerveja

A ideia de criar a Cervejaria Cozalinda nasceu em 2012 e, desde o início, a proposta era expor a cultura e os sabores locais de Florianópolis nas cervejas. Fundada pelos irmãos Diego e Vinícius em 2014, a Cozalinda nasceu para transmitir essa paixão pela sua terra, criando receitas de cervejas que fossem próprias para tomar em Floripa.

“Produzíamos em outra cervejaria de forma terceirizada. Em 2015, compramos nossos primeiros barris de madeira e, em 2017, decidimos que só iríamos produzir cervejas com micro-organismos selvagens. Em 2019, já com uma demanda muito grande, acolhemos mais um sócio, o Carlos, que veio para auxiliar na administração e toda logística de distribuição. Em 2020 estamos montando nossa própria fábrica e aumentando nossa produção ano a ano - mesmo que timidamente e apesar da COVID-19, já que se trata de um produto muito complexo e demorado para produzir”, explica Rzatki.

As cervejas da Cozalinda são comercializadas em todo o Brasil e podem ser compradas principalmente em empórios e bares de cerveja, além de e-commerces de cerveja. Acompanhe a Cervejaria Cozalinda no Instagram e no Facebook.

Sobre a Verallia

A Verallia é a líder europeia e a terceira maior produtora global de embalagens de vidro para alimentos e bebidas, e oferece soluções inovadoras, personalizadas e ecológicas. O Grupo registrou receita de 2,6 bilhões de euros e produziu 16 bilhões de garrafas e potes em 2019. A Verallia emprega cerca de 10 mil pessoas e tem 32 fábricas de embalagem de vidro em 11 países. A Verallia está listada no compartimento A do mercado regulamentado da Euronext Paris (Ticker: VRLA - ISIN: FR0013447729) e está incluída nos seguintes índices: CAC Mid 60, CAC Mid & Small e CAC All-Tradable. No Brasil, a Verallia tem três fábricas localizadas nas cidades de Campo Bom (RS), Porto Ferreira (SP) e Jacutinga (MG) e ainda disponibiliza aos seus clientes um Centro de Criações para o desenvolvimento de novos produtos. Para mais informações acesse www.verallia.com.br.

A Verallia e a sustentabilidade

Mundialmente a Verallia é comprometida com o desenvolvimento sustentável em suas três dimensões: ambiental, econômica e social. Referência em embalagens de vidro para alimentos e bebidas, disponibiliza à cadeia de consumo um material que é 100% e infinitamente reciclável e inerte, garantindo a saúde e a segurança alimentar dos consumidores. Em todos os seus processos de produção, a Verallia busca a otimização do consumo de água e energia, o controle das emissões atmosféricas, o estímulo ao desenvolvimento social e a criação de novas opções em embalagens de vidro que necessitem de menos matéria-prima e que, ao mesmo tempo, estimulem e facilitem a cadeia da reciclagem.

Fonte: Press à Porter

Stella Artois lança versão sem glúten

Stella Artois lança versão sem glúten


A Cervejaria Ambev acaba de anunciar o lançamento de Stella Artois Sem Glúten, uma cerveja criada para atender quem não abre mão de uma Stellinha gelada, mas busca opções de alimentação sem ou com teor reduzido de glúten. A nova versão tem o mesmo sabor que a Stella tradicional - a única diferença é que é livre de glúten, proteína à qual muitos consumidores apresentam algum tipo de restrição. A novidade faz parte de um processo já em andamento na Ambev para que a cervejaria possa se reinventar e se tornar cada vez mais inovadora e colaborativa em seu ecossistema.

"O consumidor quer ter cada vez mais opções de escolha e nosso papel é trazer isso, criar novas receitas", conta Bruna Buás, Diretora de Marketing de Stella Artois no Brasil. "Com Stella Artois Sem Glúten queremos democratizar o acesso a uma cerveja sem glúten, que tem o mesmo sabor da versão tradicional. A novidade chega a toda a região Sudeste até o final do ano e, no início de 2021 poderá ser encontrada em todo o país, a um valor próximo da versão tradicional".

"Para chegar na versão sem glúten, aplicamos uma tecnologia no processo de produção, preservando o sabor e todas as características da versão original, de modo que a bebida seja considerada um produto sem glúten de acordo com legislação brasileira", conta Alexandre Levy, mestre cervejeiro e um dos responsáveis pela inovação. Stella Artois Sem Glúten já pode ser encontrada nos pontos de venda do Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Em agosto já estará em São Paulo e, ainda em 2020, chegará aos pontos de venda físicos de outras regiões do Brasil. Enquanto isso, consumidores de todo o país podem encontrá-la também online, no site www.emporiodacerveja.com.br.

Fonte: impresspni

Por que o vidro é a melhor embalagem para a cerveja?

Por que o vidro é a melhor embalagem para a cerveja?


O envase da cerveja em garrafas de vidro é a escolha predominante nas cervejarias nacionais. Isso acontece tanto por questões estéticas quanto pela visibilidade mercadológica, já que a cerveja na garrafa de vidro acaba ganhando maior destaque nas gôndolas dos supermercados e trazendo maior rentabilidade às marcas. Sobretudo quando se trata de cerveja artesanal, a embalagem ter um design diferenciado ou uma tecnologia avançada pode influenciar diretamente a escolha do consumidor.

Devido a sua maior resistência e durabilidade, o vidro permite ousadia no design, no tamanho e no peso das embalagens, respeitando, é claro, as especificações técnicas exigidas para envase e manuseio. “Por conta disso, as garrafas podem trazer designs específicos, por exemplo, de algumas escolas de cerveja, como Inglesa, Alemã, Belga, Trapistas, Cervejas de guarda etc. Podem também ser fabricadas em cores diferentes, rotuladas em papel ou autoadesivo e decoradas (serigrafias, pinturas, jateamento) ao gosto do cliente”, exemplifica Riccardo Mosconi, gerente de contas da Verallia, fabricante de embalagens de vidro para alimentos e bebidas. Além disso, as garrafas contam com modelos de diferentes tipos de fechamento, como coroa, twist off, pull off, clip-lock e até rolha.

Além das possibilidades no visual, há inúmeros fatores técnicos que demonstram as vantagens do uso do vidro no mercado cervejeiro. “É importante destacar que a embalagem em que a cerveja é consumida pode influenciar o sabor. O processo de pasteurização e envase muda de acordo com o material escolhido, e a cerveja pode  receber mais ou menos CO₂ para garantir sua qualidade de acordo com o tipo de embalagem”, explica Mosconi.

Como sabemos, a cerveja precisa ter uma carbonatação adequada. Nesse sentido, as garrafas de vidro têm maior resistência à pressão e podem receber mais CO₂, o que faz com que o gosto seja levemente mais acentuado. Quando a carbonatação é perdida, o resultado não é bom, pois a entrada de ar, que normalmente provoca oxidação da cerveja, é prejudicial ao produto.

“O vidro é 100% impermeável, o que impede a entrada de oxigênio e dióxido de carbono, evitando reações químicas e, consequentemente, mantendo a carbonatação e a vida útil da cerveja. Além disso, a garrafa de vidro é completamente inerte, ou seja, não interfere na cerveja, o que evita qualquer alteração no sabor e no aroma”, acrescenta o gerente de contas da Verallia. 

O vidro também é um mal condutor térmico e elétrico em relação ao alumínio. A cerveja envasada em garrafas pode demorar mais para gelar, mas também é certo que a bebida vai manter-se gelada por muito mais tempo, tornando o consumo mais agradável e evitando o desperdício.

É fato que as diferenças entre os diversos tipos de embalagens têm ficado cada vez menores, considerando a evolução das tecnologias de envase. A garrafa de vidro, entretanto, ainda é uma preferência nacional entre o público consumidor de cerveja. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja (CERVBRASIL), a produção de garrafas de cerveja no país supera dois milhões de unidades, embalando mais da metade do que chega à mesa do consumidor. Isso mostra que existe um apelo cultural muito forte sobre ela.

Por fim, mas não menos importante que os aspectos visuais, técnicos e mercadológicos, um argumento em defesa do planeta: o vidro é um produto 100% reciclável infinitamente, sendo uma ótima alternativa de sustentabilidade. “Muitos modelos de garrafas são retornáveis, ou seja, podem ser reutilizadas para um novo envase. Uma garrafa retornável, em média, suporta 30 giros de utilização. E isso significa menos lixo nas cidades, menos poluição nos rios e nos mares, mais economia de recursos naturais. O que precisa mais para você fazer a sua escolha?”, conclui Mosconi.

Sobre a Verallia

A Verallia é a líder europeia e a terceira maior produtora global de embalagens de vidro para alimentos e bebidas, e oferece soluções inovadoras, personalizadas e ecológicas. O Grupo registrou receita de 2,6 bilhões de euros e produziu 16 bilhões de garrafas e potes em 2019. A Verallia emprega cerca de 10 mil pessoas e tem 32 fábricas de embalagem de vidro em 11 países. A Verallia está listada no compartimento A do mercado regulamentado da Euronext Paris (Ticker: VRLA - ISIN: FR0013447729) e está incluída nos seguintes índices: CAC Mid 60, CAC Mid & Small e CAC All-Tradable. No Brasil, a Verallia tem três fábricas localizadas nas cidades de Campo Bom (RS), Porto Ferreira (SP) e Jacutinga (MG) e ainda disponibiliza aos seus clientes um Centro de Criações para o desenvolvimento de novos produtos. Para mais informações acesse www.verallia.com.br.

A Verallia e a sustentabilidade

Mundialmente a Verallia é comprometida com o desenvolvimento sustentável em suas três dimensões: ambiental, econômica e social. Referência em embalagens de vidro para alimentos e bebidas, disponibiliza à cadeia de consumo um material que é 100% e infinitamente reciclável e inerte, garantindo a saúde e a segurança alimentar dos consumidores. Em todos os seus processos de produção, a Verallia busca a otimização do consumo de água e energia, o controle das emissões atmosféricas, o estímulo ao desenvolvimento social e a criação de novas opções em embalagens de vidro que necessitem de menos matéria-prima e que, ao mesmo tempo, estimulem e facilitem a cadeia da reciclagem.

Fonte: Press à Porter

Läut Express é um dos pilares da expansão da cervejaria em 2020

Läut Express é um dos pilares da expansão da cervejaria em 2020


A Läut Express é um modelo de distribuição que atende as pessoas físicas e jurídicas. Uns dos grandes gargalos na expansão comercial do chope são os custos logísticos e os cuidados necessários no serviço, por ser um produto sensível e com curto prazo de validade. Além dos itens citados acima, os custos com maquinários, chopeiras, câmaras frias e barris também são fatores relevantes. O modelo, então, permite aos parceiros locais investirem no seu próprio negócio, passando a deter o direito de distribuição do chope em sua região, com todo o suporte da indústria para que os produtos cheguem ao consumidor final com segurança e qualidade.

Um parceiro regional tem a vantagem de conhecer a praça de atuação e ter a confiança e credibilidade do mercado local. Por ser o dono do negócio, a expectativa é de que haja um envolvimento e um engajamento maior, gerando uma intimidade entre a marca e o público consumidor local. A Läut oferece toda a consultoria necessária para execução do negócio, desde a área financeira até marketing e vendas. O intuito maior é a padronização na exposição da marca, no atendimento e no modelo de negócio em si. Uma parceria íntima e contínua. Esseconceito acelera a expansão pelo interior de Minas e outros estados. “Há uma constante iniciativa dosinteressados. Muitos têm me procurado para formar parcerias e carregar a nossa marca para as suas regiões. Este foi o ponto de partida para desenvolvermos o projeto Läut Express”, afirma Henrique Neves, CEO da Läut.

Ainda segundo Henrique Neves, “a padronização e a consultoria que prestamos são fundamentais para cumprirmos a nossa missão de nos conectar aos consumidores oferecendo experiências que tenham um impacto positivo em suas vidas, sempre de forma responsável. É fundamental estabelecer a confiança do consumidor na marca, por isso estamos oferecendo toda a estrutura personalizada, com chopeiras com luminosos Läut, copos personalizados, além da capacitaçãodos profissionais que estarão à frente do negócio.

Assim, a proposta é oferecer uma experiência aos clientes. Muitas cidades do interior têm a demanda e a carência para esse tipo de serviço. Um mercado para ser explorado. Passos, há 353km da capital, é um modelo a ser seguido. A cidade está absorvendo rapidamente a cultura do consumo de chopes. A venda de growlers tem se tornado uma realidade no interior. Os consumidores estão aderindo à cultura. O delivery de chope para eventos particulares também tem sido um sucesso, com assistência técnica ágil caso algum problema ocorra. “Se o chope acaba em meio a uma festa, a Läut Express tem condição de atender a solicitação rapidamente nesse formato”, explica Henrique.

A Läut também está investindo em ampliar seu SAC, para aprimorar e estreitar seu relacionamento com os consumidores.

A Läut Express já está em Montes Claros, Campo Belo, Varginha, Passos e agora chega a Brasília, capital federal. A loja em Passos é própria da marca e atende ao mercado de Capitólio, importante ponto turístico de Minas. O modelo está funcionando e apresenta bons resultados para os pontos de venda e para a indústria. Alguns funcionam com loja aberta ao público. Outros funcionam sem loja própria, mas que atendem delivery e distribuem no comércio local. A capital federal tem muito potencial para ser explorado. A loja fica no bairro de Águas Claras e a cidade possui a melhor renda per capita do país. Lá, haverá a distribuição para pontos de venda regionais, auto-serviço e também para consumidor local. 

Läut em 2020

2020 tem sido um ano de desafios para o mercado cervejeiro, mas a cervejaria Läut está investindo em sua expansão, obtendo excelentes resultados e conquistando importantes pontos de venda. A empresa comemora sua ampliação no mercado de auto-serviço com a chegada em importantesredes de supermercados da capital mineira, como Super Nosso, Verdemar, Roma Plus, Decisão Atacadista, entre outros, com sucesso nas vendas nesses estabelecimentos.Outro grande ponto de venda é o Ao Gosto Carnes Nobres com uma parceria íntima que gera frutos desde 2018.  A expansão tem sido contínua, aumentando a cada dia o número de redes supermercadistas em Minas Gerais, Espírito Santo e Distrito Federal que estão aderindo à venda dos produtos Läut.

A Läut Beer surgiu em 2016 em Nova Lima, pólo referência no mercado de artesanais no Brasil e já possui sete estilos de cervejas em linha. Segundo Henrique Neves, a empresa está preparando o lançamento de mais dois estilos até o fim do ano. Além das cervejas, a empresa também oferece o serviço de delivery do chope, onde o cliente recebe o serviço completo de instalação de chopeira com o chope e os copos descartáveis para consumo. Em razão da procura dos produtos por consumidores de regiões que ainda não estão sendo atendidas, a Läut lançou uma loja virtual própria, ambiente em que o consumidor terá oportunidade de comprar todas as cervejas da Läut, além de kits para presentes e souvenires da marca.

Fonte: Primeiro Plano Comunicação

Ambev lança plataforma interativa de conhecimento cervejeiro


Apaixonados por cerveja acabam de ganhar uma plataforma de entretenimento para chamar de sua. A união de conteúdo e gamificação criadas pela Ambev quer levar interatividade ao público e ajudar a criar repertório com conteúdo cervejeiro.

O Hoppy foi desenvolvido pela companhia em Nova York e acaba de chegar ao Brasil trazendo uma abordagem intuitiva e acessível para testar conhecimento sobre cerveja, reunindo temas como história da bebida, ingredientes, estilos, etapas de produção e dicas de harmonização.

Ao longo de cada etapa, os usuários podem avaliar seus conhecimentos completando testes e quizzes, e acumulando as chamadas "beercoins", pontuação de classificação no ranking global, onde pessoas do mundo inteiro disputam a liderança. A plataforma de web pode ser acessada por meio do http://hoppy.ab-inbev.com/web, e o acesso é totalmente gratuito e direcionado a maiores de 18 anos.

Em um momento em que os papos de bar estão acontecendo na mesa de casa, o Hoppy chega para proporcionar essa troca de experiências e conhecimento de forma online. "Cada vez mais o consumidor tem se interessado por detalhes, história e curiosidades da cerveja e o Hoppy representa mais uma das iniciativas para democratizar e oferecer uma fonte inesgotável de conhecimento, mostrando toda a pluralidade que a cerveja carrega", afirma Carolina Loureiro, especialista de Conhecimento e Cultura Cervejeira na Ambev.

O Hoppy foi inicialmente projetado para ser uma ferramenta de educação cervejeira para seus colaboradores. No entanto, o projeto foi ampliado para os consumidores pelo alto potencial de ser um agente de democratização de informação, principalmente dentro do universo da cerveja, que é tão rico e diverso.

Charles Nouwen, Head de Passion for Beer da AB Inbev e responsável pelo desenvolvimento do Hoppy, afirma que esse é mais um dos formatos e experiências da companhia para compartilhar conhecimento cervejeiro de forma simples, prática e acessível. "Queremos, a partir desse novo ponto de conexão, mostrar aos consumidores a beleza por trás da produção da cerveja e a história de estilos e marcas que estão cada vez mais presentes no nosso cotidiano", conta. Além do Brasil, a plataforma está disponível na web nas versões em inglês, espanhol, português e, em breve, francês.

Fonte: inpresspni

Cervecon - Congresso Brasileiro de Ciência e Mercado da Cerveja acontece de 21 a 25 de setembro

Cervecon - Congresso Brasileiro de Ciência e Mercado da Cerveja acontece de 21 a 25 de setembro


O Cervecon - Congresso Brasileiro de Ciência e Mercado da Cerveja– estava agendando para acontecer em BH, no mês de julho, mas devido ao atual cenário foi adiado. Com nova data confirmada, o evento acontecerá em setembro, entre os dias 21 e 25, e vem com uma grande novidade. Essa será a terceira edição do Cervecon, que já aconteceu nas cidades de Blumenau e Goiânia.

É preciso se reinventar e superar os desafios. Por isso, a organização do Cerveconvai lançará mão de tecnologia e criatividade na sua próxima edição. Uma feira totalmente virtual foi concebida. O formato presencial será substituído pelo OnLine. Através de uma plataforma digital moderna e interativa, o CERVECON OnLine vem para continuar a ser um evento de referência para o mercado, trazendo bastante conteúdo com palestrantes nacionais e internacionais. Também haverá discussão das melhorias setoriais nos âmbitos do empreendedorismo, mercado de trabalho, produção e estudos científicos, além de uma Feira de Exposição Virtual para aproximar empresários com fornecedores e promover networking junto ao grande público de cervejas artesanais.

Um Centro de Convenções totalmente virtual será disponibilizado para os participantes. Haverá sala de credenciamento, auditórios virtuais e até mesmo estandes onde os expositores vão interagir com o público e demonstrar seus produtos e serviços. Tudo online. É uma inovação. Cada detalhe foi reproduzido aproximando a interatividade ao máximo de um evento presencial.

O formato mudou, mas a proposta continua a mesma: ampliar o conhecimento, discutir o setor, analisar soluções e alternativas para melhorar a produção e negócios; qualificar os profissionais. O conteúdo engloba Ciência e Negócios, com simpósios, seminários, palestras, trabalhos científicos, tendências, novos negócios do mercado e inovações. Há também uma Feira de Negócios Virtual, com exposição de produtos, tecnologia, serviços maquinários, editoras, entidades de fomento econômico, comercial e de conhecimento, relacionados direta e indiretamente à produção de cerveja.

O evento é organizado pela Win Eventos, em parceriacom o Espaço Ampliar e SindiBebidas. O patrocínio é da LNF Latino América e Barth-HassGoup, com apoio do BH Convention Visitors& Bureau, da Frente da Gastronomia Mineira, Escola Superior de Cerveja e Malte, da Acerva -MG e da Abrasel-MG.

No Brasil hoje temos registradas 1.178 cervejarias, sendo que, só no ano passado, o MAPA concedeu 273 registros para novas cervejarias no país. Neste contexto, Minas ocupa hoje o 3º lugar no Brasil,com um total de 170 fábricas de cerveja no estado. “Com base nessa realidade do mercado mineiro, nada mais interessante do que trazer o evento para BH e temos certeza de que será uma excelente oportunidade para os interessados poderem imergir durante três dias em palestras técnicas, em novos conhecimentos e networking”, explica Nehemias Ramos, realizador do evento.

Serviço: https://congressocervecon.com.br/

Fonte: Primeiro Plano Comunicação